A Empresa

A missão da ADCom Comunicação Empresarial é criar, consolidar, fortalecer e valorizar a imagem e reputação de empresas, instituições e profissionais junto a seu público alvo e à sociedade, por meio de comunicação integrada. Nosso trabalho tem como meta aumentar o encantamento pela marca, tornando o consumidor fã dela e, também, um disseminador de seu nome. Esta paixão possibilita à empresa praticar valores mais justos e lucrativos. Integramos distintas formas de comunicação para geramos maior visibilidade e transformarmos, de forma moderna e antenada, o assessorado em referência no seu segmento para que seu público fique cada vez mais encantado. 

Serviços

  • Relacionamento com a Imprensa

    O Relacionamento com a Imprensa, conhecido como Assessoria de Imprensa, visa dar ênfase ao envio de informações sobre o cliente à mídia impressa, eletrônica e on line para que ele se transforme em fonte em matérias jornalísticas. Esta ação agrega valor, aumenta a reputação e lembrança do nome de forma direta e indireta, atingindo diferentes públicos de interesse, de forma maciça e mais abrangente.
  • Publicações

    Desenvolvimento de publicações digitais ou impressas (jornais, revistas, newsletters, material publicitário, entre outros) com o objetivo de valorizar, institucionalmente, o cliente, atingindo e se relacionando com o público alvo, abrindo o diálogo e levando a ele informações de valor e interesse. 
  • Geração de Conteúdos

    Desenvolvemos todos os tipos de conteúdos para os mais diferentes fins. São eles: matéria jornalística, livro, blog, rede social, redação publicitária, release, newsletter, revista, jornal, sites, portais, entre outros. São textos, fotos, vídeos, podcasts (áudios), com o conteúdo pertinente àquele meio e ao público ao qual se destina. Fazemos geralmente um "cross media", onde um meio complementa o outro de forma atraente e envolvente. Estamos sempre antenados com as novas tendências e como potencializar seu uso com uma comunicação inteligente, criativa e de resultados.
  • Sites e Portais

    O site do cliente deve ter uma apresentação moderna, dinâmica e ser atualizado constantemente para geração de interesse.

    A ideia é abastecermos continuamente com notícias sobre a empresa e meio de atuação, com artigos assinados pelos diretores, com imagens, gráficos, vídeos, entre outros materiais que gerem interesse e levem informação de qualidade para o internauta.

    Atualizamos também conteúdos estáticos existentes e gerenciamos a contratação de profissionais, por exemplo, entre outras ações de relevância para este item da mais alta relevância para qualquer empresa, seja de que porte for.
  • Redes Sociais

    As redes sociais ganham importância crescente com o acesso cada vez maior de pessoas a elas pelas mais distintas formas, sendo as principais celulares e tablets.

    Por isso, devem ser tratadas com a relevância devida, aumentando o engajamento, informando e formando opinião para consolidação da reputação, bem como valorização da imagem.

    Nossa equipe elabora conteúdo (textos, fotos, vídeos, podcasts), seleciona públicos de interesse, impulsiona publicações com o foco tanto na valorização de imagem e reputação como na reversão de leads para o cliente.

    É importante sempre ser elaborado conteúdo condizente com cada rede pois cada uma delas tem a sua peculiaridade.
  • Prevenção e Gerenciamento de Crise de Imagem

    Quanto custa e quanto tempo leva para se construir um nome no mercado?

    O deslize de um funcionário, o descontentamento de cliente, a má explicação de um fato, a deturpação da informação ou até mesmo alguma fatalidade são fatores que podem arruinar a imagem e a reputação de empresas, profissionais, produtos e instituições.

    A ADCom Comunicação Empresarial, por meio de trabalho contínuo junto ao cliente, pode avaliar, prevenir, antecipar soluções e criar ferramentas específicas para situações potenciais de crise.

    E, se ela estiver instalada, resolvê-la da forma mais adequada.

    Uma crise sempre deixa sequelas graves que, se não forem corretamente trabalhadas, podem ser difíceis de reverter.
    Esta situação é, por si só, muito difícil. Porém, é importante que também se atue forte depois da ocorrência para amenizá-la de maneira substancial.
    O ideal é, desde o início desta queda, manter-se aberto ao diálogo e se mostrar acessível aos questionamentos dos públicos interno e externo, com um discurso ético, honesto e com comunicação acessível a todos.
  • Eventos

    Realizamos a cobertura in loco de eventos tanto próprios como que contem com a participação do cliente.

    É promovida divulgação jornalística pré e pós-evento para mailing de interesse e imprensa, bem como em tempo real, ao vivo, no momento que ocorre, para abastecimento das redes sociais.

    Também preparamos o presskit para a sala de imprensa e, além do apoio jornalístico, disponibilizamo-nos a sugerir ideias para maior valorização destas ações.

    Por isto, é importante que nossa equipe participe desde o momento da concepção para que se possa ter mais atrativos tanto para a imprensa como para o público de interesse. 
  • Treinamentos e Palestras

    A ADCom Comunicação Empresarial ministra palestras e treinamentos sobre o funcionamento da mídia brasileira, como lidar com a imprensa, como se portar em uma entrevista e como se comunicar com os variados públicos de interesse por meio de distintas ferramentas.

Notícias

Dicas para desenvolver carisma e boa comunicação

Dicas para desenvolver carisma e boa comunicação

O carisma é uma habilidade muitas vezes vista como um dom: ou você nasce com ele, ou nunca irá desenvolvê-lo. Mas quem pensa assim está enganado, porque é possível, sim, fazer treinamentos para se tornar uma pessoa carismática.— As expressões corporais e a ideia de servir ao outro estão na raiz da palavra carisma. Existe uma grande falha em creditar o alcance do sucesso ao carisma, como se fosse algo natural, mas a verdade é que ele pode ser construído — afirma Guilherme Miziara, especialista em Oratória e Comunicação.Há pessoas que têm mais facilidade para desenvolver o carisma, seja por conta da criação que recebeu ou da profissão que segue. Guilherme traz o exemplo de dois ex-atletas brasileiros: Rodrigo Minotauro e Gustavo Kuerten, o Guga:— Fiz o treinamento do Minotauro, lutador de MMA, que não tem uma das expressões mais carismáticas, mas com o treino conseguimos torná-la mais leve. Um treinamento não vai fazer da pessoa a “mais carismática do mundo”, mas vai conseguir minimizar quaisquer impactos negativos. É diferente de uma pessoa como o ex-tenista Gustavo Kuerten, que sorri muito e tem uma expressão facial leve.Ter uma boa comunicação é outra habilidade que pode ser desenvolvida. Ela também está relacionada com as expressões corporais.De acordo com a terapeuta corporal e coach de televisão Maria Pia Sconamilio, escritora do livro “O corpo quântico — anatomia da expressão”, 60% do impacto da comunicação estão na imagem de quem fala; 30%, no tom da voz, no ritmo e na maneira como fala; e apenas 10%, no conteúdo:— Se a pessoa aprova a sua imagem e a sua voz, ela vai entender o conteúdo que você quer passar. Quando você quer comunicar com alguém, não adianta falar as coisas mais importantes do mundo e a pessoa não reter. Um bom comunicador é aquele que consegue mandar a mensagem e fazer o seu ouvinte refletir sobre o assunto.(Fonte: Jornal Extra)  Saiba Mais

Regras básicas de comunicação na empresa

Regras básicas de comunicação na empresa

Muito cuidado deve ser tomado ao nos comunicar, justamente por causas das barreiras existentes na decodificação das mensagens que buscamos transmitir. Em uma organização atuamos ao mesmo tempo como transmissor e como receptor com nossos colegas, superiores e clientes. Apenas uma palavra pronunciada fora de hora, pode nos acarretar muitos problemas.Alguns pontos devem ser considerados em nossas comunicações, justamente pelas principais barreiras existentes, seja na emissão, quando criamos dificuldades na formação da ideia ou na recepção, quando a pessoa capta nossa mensagem.Problemas que geram a emissão deturpada:A. Timidez e o nervosismo;B. Falar demais ou corrido;C. Má dicção, pobreza de vocabulário;D. Querer impor assuntos que “acredita” dominar;E. Dominar pouco um determinado assunto;F. Falar termos difíceis;G. Tendência a exagerar ou distorcer um fato ao comunicar;H. Falta de tempo;I. Diferenças individuais;J. Preconceitos entre pessoas ou assuntos;K. Distância da chefia com os funcionários;L. Distância entre os próprios funcionários etc.Problemas que deturpam a recepção:A. Pessoas bloqueadas que ouvem o que querem e não o que falamos;B. Pessoas que modificam as informações para como elas gostariam que fossem;C. Pessoas que imaginam o que falamos;D. Pessoas que escutam só o que já ouviram antes;E. Pessoas que ouvem o que não está sendo dito;F. Pessoas que imaginam o que queremos dizer;G. Pessoas que ouvem o que sentem;H. Pessoas que tem opinião formada e não aceitam novas idéias;I. Pessoas que só ouvem o que lhes agrada.Para podermos quebrar as barreiras da comunicação, precisamos adotar os sete comportamentos básicos de educação, transformando-os em princípios de relacionamento:1) A palavra menos importante: “EU”;2) A palavra mais importante: “NÓS”;3) As 2 palavras mais importantes: “Muito Obrigado”4) As 3 palavras mais importantes: “Faça o Favor”5) As 4 palavras mais importantes: “Qual a sua opinião”6) As 5 palavras mais importantes: “Você fez um bom trabalho”7) As 6 palavras mais importantes: “Admito que o erro foi meu”Variáveis da ComunicaçãoNo nosso relacionamento, quer na empresa, como em todas as atividades existentes em nossa vida, empregamos a todo o momento formas de comunicações, as quais são classificadas em verbais e não verbais.A comunicação verbal consiste por sua vez em outras duas formas, essas formas são expressas em escrita e oral. Elas são efetuadas geralmente com consciência das intenções a serem transmitidas, como;• - Oral: diálogos, ordens, pedidos, conversas, comunicação telefônica, radio, televisão, canal de voz, debates, palestras, entre outras.• - Escrita: Ofícios, cartas, e-mail, letreiros, bilhetes, cartazes, circulares, livros, jornais,Por sua vez, as comunicações não verbais, geralmente fogem dos nossos controles, por essa razão elas podem ser fruto dos reflexos momentâneos, elas são classificadas em conscientes e inconscientes, espelhando muitas vezes mensagens diferentes daquelas que nossa fala ou escrita transmite, as principais são:• - Comunicação por mímica - são os gestos com as mãos, com o corpo, com a face do rosto, com as sobrancelhas...• - Comunicação pelo vestuário - compreende as cores, tipo e forma como nos vestimos. A nossa apresentação pessoal, identifica a nossa personalidade.• - Comunicação com o olhar - Se os olhos são o espelho da alma, eles também expressam suas mensagens, isso pode constatar na forma de olhar, de encarar as pessoas, em sua cor ou na dilatação ou contração da pupila.• - Comunicação postural - A forma como sentamos, a posição de nosso corpo revela muito dos nossos sentimentos, uma pessoa que fica com o braço cruzado é porque ela não se sente bem em determinado momento ou circunstancia, ou seja, ela fica em defesa.(Fonte: Portal Educação)  Saiba Mais

O futuro do trabalho diante das novas tecnologias

O futuro do trabalho diante das novas tecnologias

Este será o grande diferencial dos profissionais do futuro: saber lidar com pessoas, saber gerenciar, atuar de forma estratégica e humana. A tecnologia irá auxiliar na prática dos trabalhos braçais, mas a inteligência continuará sendo exercida pelos profissionais.O boom da tecnologia nos últimos anos deixou um alerta para os profissionais que já estão atuando no mercado de trabalho: qual será o destino das profissões existentes hoje? Será que algumas serão extintas ou substituídas por máquinas? Uma última pesquisa do Fórum Econômico Mundial apontou que a tecnologia – ainda que um motor muito potente para desenvolvimento – irá transformar o mercado de trabalho e, segundo o estudo, serão sete milhões de empregos extintos em todo o mundo.Aqui, vale a reflexão sobre esse apontamento. A tecnologia não virá para deixar milhões de pessoas desempregadas. Como em muitos aspectos da vida, a tecnologia acaba se tornando aliada das pessoas e, aqui no Brasil, percebemos isso com uma variedade de segmentos que foram impactados positivamente com a chegada de modelos inovadores e tecnológicos. Profissionalmente, o alerta é necessário, sim, uma vez que a realidade é que o mercado de trabalho irá sofrer uma grande revolução. Os empregos serão extintos ou substituídos, mas outras oportunidades surgirão para aqueles que souberem entender a mudança de cenário.Com isso, sabemos que o futuro será muito promissor para os profissionais que conseguirem tomar contato com sua sensibilidade humana. Esse será o grande diferencial dos profissionais do futuro: saber lidar com pessoas, saber gerenciar, atuar de forma estratégica e humana. A tecnologia irá auxiliar na prática dos trabalhos braçais, mas a inteligência continuará sendo exercida pelos profissionais. A capacidade de criação, inovação, planejamento, tomada de decisões são exclusivamente feitas por pessoas que trabalham diariamente para aprimorar modelos de pensamento e solução de problemas. Isso é o que mais temos de valioso.Por isso, quanto mais a tecnologia se desenvolver, mais iremos tomar contato com aquilo que nos torna especiais. Habilidades e competências emocionais serão o que precisaremos desenvolver e o que motivarão a criação de novos trabalhos. A criatividade, empatia, olhar estratégico, olhar crítico, experimentação, imaginação, inteligência emocional, autoconhecimento, experiência de vida, relacionamentos interpessoais, valores pessoais, são apenas alguns dos fatores que irão nos diferenciar das máquinas no mercado e deverão tomar conta das nossas atenções a partir de agora.Começar a pensar dessa forma é essencial para quem quer se destacar lá na frente e isso significa começar desenvolver as competências desde já. Apesar do medo, dos desafios e da insegurança que cerca algumas pessoas, a perspectiva que temos de futuro do trabalho é muito boa e a preparação está disponível para quem pensa à frente!(Fonte: Proxxima)  Saiba Mais

Clientes

Contato