A Empresa

A missão da ADCom Comunicação Empresarial é criar, consolidar, fortalecer e valorizar a imagem e reputação de empresas, instituições e profissionais junto a seu público alvo e à sociedade, por meio de comunicação integrada. Nosso trabalho tem como meta aumentar o encantamento pela marca, tornando o consumidor fã dela e, também, um disseminador de seu nome. Esta paixão possibilita à empresa praticar valores mais justos e lucrativos. Integramos distintas formas de comunicação para geramos maior visibilidade e transformarmos, de forma moderna e antenada, o assessorado em referência no seu segmento para que seu público fique cada vez mais encantado. 

Serviços

  • Relacionamento com a Imprensa

    O Relacionamento com a Imprensa, conhecido como Assessoria de Imprensa, visa dar ênfase ao envio de informações sobre o cliente à mídia impressa, eletrônica e on line para que ele se transforme em fonte em matérias jornalísticas. Esta ação agrega valor, aumenta a reputação e lembrança do nome de forma direta e indireta, atingindo diferentes públicos de interesse, de forma maciça e mais abrangente.
  • Publicações

    Desenvolvimento de publicações digitais ou impressas (jornais, revistas, newsletters, material publicitário, entre outros) com o objetivo de valorizar, institucionalmente, o cliente, atingindo e se relacionando com o público alvo, abrindo o diálogo e levando a ele informações de valor e interesse. 
  • Geração de Conteúdos

    Desenvolvemos todos os tipos de conteúdos para os mais diferentes fins. São eles: matéria jornalística, livro, blog, rede social, redação publicitária, release, newsletter, revista, jornal, sites, portais, entre outros. São textos, fotos, vídeos, podcasts (áudios), com o conteúdo pertinente àquele meio e ao público ao qual se destina. Fazemos geralmente um "cross media", onde um meio complementa o outro de forma atraente e envolvente. Estamos sempre antenados com as novas tendências e como potencializar seu uso com uma comunicação inteligente, criativa e de resultados.
  • Sites e Portais

    O site do cliente deve ter uma apresentação moderna, dinâmica e ser atualizado constantemente para geração de interesse.

    A ideia é abastecermos continuamente com notícias sobre a empresa e meio de atuação, com artigos assinados pelos diretores, com imagens, gráficos, vídeos, entre outros materiais que gerem interesse e levem informação de qualidade para o internauta.

    Atualizamos também conteúdos estáticos existentes e gerenciamos a contratação de profissionais, por exemplo, entre outras ações de relevância para este item da mais alta relevância para qualquer empresa, seja de que porte for.
  • Redes Sociais

    As redes sociais ganham importância crescente com o acesso cada vez maior de pessoas a elas pelas mais distintas formas, sendo as principais celulares e tablets.

    Por isso, devem ser tratadas com a relevância devida, aumentando o engajamento, informando e formando opinião para consolidação da reputação, bem como valorização da imagem.

    Nossa equipe elabora conteúdo (textos, fotos, vídeos, podcasts), seleciona públicos de interesse, impulsiona publicações com o foco tanto na valorização de imagem e reputação como na reversão de leads para o cliente.

    É importante sempre ser elaborado conteúdo condizente com cada rede pois cada uma delas tem a sua peculiaridade.
  • Prevenção e Gerenciamento de Crise de Imagem

    Quanto custa e quanto tempo leva para se construir um nome no mercado?

    O deslize de um funcionário, o descontentamento de cliente, a má explicação de um fato, a deturpação da informação ou até mesmo alguma fatalidade são fatores que podem arruinar a imagem e a reputação de empresas, profissionais, produtos e instituições.

    A ADCom Comunicação Empresarial, por meio de trabalho contínuo junto ao cliente, pode avaliar, prevenir, antecipar soluções e criar ferramentas específicas para situações potenciais de crise.

    E, se ela estiver instalada, resolvê-la da forma mais adequada.

    Uma crise sempre deixa sequelas graves que, se não forem corretamente trabalhadas, podem ser difíceis de reverter.
    Esta situação é, por si só, muito difícil. Porém, é importante que também se atue forte depois da ocorrência para amenizá-la de maneira substancial.
    O ideal é, desde o início desta queda, manter-se aberto ao diálogo e se mostrar acessível aos questionamentos dos públicos interno e externo, com um discurso ético, honesto e com comunicação acessível a todos.
  • Eventos

    Realizamos a cobertura in loco de eventos tanto próprios como que contem com a participação do cliente.

    É promovida divulgação jornalística pré e pós-evento para mailing de interesse e imprensa, bem como em tempo real, ao vivo, no momento que ocorre, para abastecimento das redes sociais.

    Também preparamos o presskit para a sala de imprensa e, além do apoio jornalístico, disponibilizamo-nos a sugerir ideias para maior valorização destas ações.

    Por isto, é importante que nossa equipe participe desde o momento da concepção para que se possa ter mais atrativos tanto para a imprensa como para o público de interesse. 
  • Treinamentos e Palestras

    A ADCom Comunicação Empresarial ministra palestras e treinamentos sobre o funcionamento da mídia brasileira, como lidar com a imprensa, como se portar em uma entrevista e como se comunicar com os variados públicos de interesse por meio de distintas ferramentas.

Notícias

Como o WhatsApp tem preparado sua 'independência' do celular

Como o WhatsApp tem preparado sua 'independência' do celular

O WhatsApp tem preparado uma grande atualização que deve garantir sua "independência" dos celulares. Testada anteriormente no Android, a versão beta do WhatsApp Web que dispensa a conexão com os smartphones já está sendo experimentada também no iOS.As informações foram divulgadas recentemente pelo WaBetaInfo. De acordo com o site, a versão beta 2.21.60.11 do aplicativo para o sistema operacional da Apple permite que o mensageiro seja utilizado em navegadores sem a necessidade de que o celular esteja conectado à internet.Atualmente, para utilizar o serviço no PC é preciso abrir o app no celular e realizar a leitura de um QR Code. Até alguns meses atrás, esse modelo só funcionava em um computador por vez, algo que deve ser expandido para mais dispositivos ao mesmo tempo.O WaBetaInfo lembrou que algumas funções do app ainda não estão presentes nessa versão beta, mas devem ser adicionadas no futuro. Nos testes, por enquanto, é informado que não é possível utilizar o botão "Apagar para todos" (para deletar mensagens para todas as pessoas da conversa) e mandar mensagens para pessoas que não possuem a versão mais recente do mensageiro.O novo WhatsApp Web ainda não possui data de lançamento e segue sendo desenvolvido. A promessa é que ele será mais rápido do que o atual, e que contas empresariais também poderão ser utilizadas sem a necessidade de um smartphone conectado à internet.Expansão do WhatsAppEsse será mais um movimento do WhatsApp em direção a se tornar um serviço maior e não apenas um software de mensagens. No início deste mês, o aplicativo que pertence ao Facebook lançou no Brasil e em outros países o WhatsApp Pay (Pagamentos no WhatsApp).A ferramenta permite realizar transações financeiras entre os usuários, o que garante o envio e recebimento de dinheiro de amigos e familiares e compras em pequenos estabelecimentos comerciais.Para utilizar a função, é possível cadastrar cartões de débito ou pré-pagos. A segurança é feita pelo mesmo sistema do Facebook Pay, que funciona com biometria ou um PIN para aprovar cada transação e possui criptografia para proteger os dados do cartão.Não se sabe se a ferramenta de transferência de valores será lançada na versão web, mas o fato é que se ela chegar, o aplicativo se tornará ainda mais independente dos celulares.(Fonte: TecMundo) Saiba Mais

Vacina da Pfizer é aprovada para adolescentes de 12 a 15 anos nos EUA

Vacina da Pfizer é aprovada para adolescentes de 12 a 15 anos nos EUA

A Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos, autorizou na segunda-feira (10) o uso da vacina contra a Covid-19 do conglomerado Pfizer-BioNTech em adolescentes de 12 a 15 anos. A decisão, amparada em estudo clínico de 2.260 indivíduos nessa faixa etária, é considerada um passo decisivo no processo de retorno da normalidade no país.No entanto, a autorização da agência não significa o início automático da imunização nessa população adolescente. Para que isso ocorra, é indispensável a liberação da medida pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), instância responsável pela saúde pública nos EUA.Se o CDC aprovar a utilização da vacina nesse grupo, a imunização poderá ter início imediato, respondendo a uma dúvida de dezenas de milhões de famílias americanas que tentam estabelecer rotinas para seus lares onde até o momento apenas os adultos e adolescentes a partir de 16 anos foram vacinados. Representa também a remoção do último obstáculo para a reabertura das escolas.O estudo clínico realizado pela Pfizer-BioNTech com os adolescentes envolveu 2.260 participantes com idades entre 12 e 15 anos, que receberam duas doses da vacina ou um placebo, com três semanas de intervalo entre as aplicações. Entre o grupo que recebeu o placebo, ocorreram 18 casos de infecção sintomática por coronavírus. Nenhum caso ocorreu entre os adolescentes que receberam o imunizante.Além da eficácia, a vacina também revelou um bom perfil de segurança, com efeitos colaterais (geralmente febres) ocorrendo em 20% da população inoculada, valor compatível com a faixa etária de 16 a 25 anos, segundo o vice-presidente sênior da Pfizer, o pediatra Bill Gruber, que destaca ainda a resposta imunológica além do esperado.Mais dois estudos estão sendo conduzidos pela Pfizer: um com crianças entre 5 e 11 anos de idade, e outro na faixa de 2 a 5 anos. Ainda não há resultados para esses ensaios.(Fonte: TecMundo) Saiba Mais

Clubhouse vai financiar 50 criadores de conteúdo

Clubhouse vai financiar 50 criadores de conteúdo

Nesta quarta-feira (05), o Clubhouse anunciou quem serão seus primeiros 50 criadores e criadoras de conteúdo que participarão do programa de financiamento da plataforma, anunciado em 14 de março.De acordo com a empresa, essa é uma forma de ajudar tais profissionais a se concentrarem em fazer o que fazem de melhor e representantes da iniciativa escolheram os projetos a partir de um brainstorming, que considerou inovação ou invenção de formatos, promoção social e alcance de público."Queremos agradecer a todos que dedicaram seu tempo para se inscrever. Ficamos maravilhados com a profundidade e diversidade das ideias que a comunidade apresentou e esperamos oportunidades futuras de trabalhar com ainda mais criadores à medida que a iniciativa cresce", destaca a empresa, indicando ter recebido milhares de candidaturas.Algo para todo mundoAinda segundo o Clubhouse, nas próximas semanas, os finalistas, incluindo pessoas de países como Estados Unidos, Indonésia, Reino Unido, Argentina, Canadá, Colômbia e Japão, compartilharão seus episódios piloto na rede social.Além disso, dentre os temas selecionados estão esportes, astronomia, saúde, comportamento, música, História e outros, "tópicos tão abrangentes quanto você esperaria de nossa comunidade", ressalta. "Há algo para todo mundo", complementa.A lista completa de vencedores e vencedoras e as descrições de suas propostas (em inglês) está disponível no site do Clubhouse.(Fonte: TecMundo) Saiba Mais

Clientes

Contato